ADERSON DUTRA DE ALMEIDA

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: DUTRA, Aderson
Nome Completo: ADERSON DUTRA DE ALMEIDA

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
DUTRA, ADERSON

DUTRA, Aderson

*dep. fed. RN 1953.

 

Aderson Dutra de Almeida nasceu em Patu (RN) no dia 17 de maio de 1911, filho de Francisco Dutra de Almeida e de Maria Virgília Dutra.

Estudou no Ateneu Norte-Rio-Grandense, em Natal, antes de ingressar na Faculdade Nacional de Medicina, no Rio de Janeiro (então Distrito Federal), pela qual se formou em 1933, especializando-se em clínica médica e em obstetrícia. De volta a seu estado, foi médico do Instituto de Aposentadoria e Pensões dos Comerciários (IAPC) em Natal e médico legista do estado.

Elegeu-se prefeito de seu município natal e, em 1947, deputado à Assembléia Constituinte estadual na legenda do Partido Social Democrático (PSD). Permaneceu na cadeira quando a Constituinte converteu-se em Assembléia ordinária. No pleito de outubro de 1950, candidatou-se a deputado federal pelo Rio Grande do Norte na legenda da União Popular, coligação da União Democrática Nacional (UDN) com o Partido Social Trabalhista (PST). Ficou na segunda suplência, deixando o mandato estadual em janeiro de 1951 e vindo a assumir temporariamente uma cadeira na Câmara, substituindo Aluísio Alves, de junho a agosto de 1953. Em outubro de 1954 candidatou-se a deputado estadual pela UDN, mas não foi bem-sucedido.

Dando prosseguimento à sua carreira política, em outubro de 1958 disputou pela segunda vez, e com sucesso, a prefeitura de sua cidade natal. Empossado em fevereiro do ano seguinte, deixou o cargo em 1961. No pleito de outubro do ano seguinte, elegeu-se deputado estadual pela coligação Cruzada da Esperança, formada pelo Partido Social Democrático (PSD) e pelo Partido Democrata Cristão (PDC).

Com a dissolução dos partidos políticos pelo Ato Institucional nº 2 (AI-2), de 27 de outubro de 1965, e a posterior instauração do bipartidarismo, filiou-se à Aliança Renovadora Nacional (Arena), agremiação governista, criada em abril de 1966 e integrada pelas forças políticas ligadas ao movimento de 31 de março de 1964 que depôs o presidente João Goulart. Por sua nova legenda, reelegeu-se deputado estadual no pleito de novembro de 1966, iniciando o seu segundo mandato na Assembléia Legislativa potiguar no começo de 1967. Em novembro de 1970, disputou a reeleição, sempre pela Arena, mas desta feita obteve apenas uma suplência. Por conseguinte, deixou a Assembléia no início de 1971, ao final da legislatura.

Faleceu no Rio de Janeiro em 22 de junho de 1993.

Era casado com Sofia Varela Dutra, com quem teve um filho.

 

FONTES: CÂM. DEP. Deputados brasileiros. Repertório (1946-1967); CISNEIROS, A. Parlamentares; IPC. Relação de parlamentares (1/1/92 a 18/8/98); TRIB. SUP. ELEIT. Dados (2).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados