ARAÚJO, Íris de

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: ARAÚJO, Íris de
Nome Completo: ARAÚJO, Íris de

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
ARAÚJO, Íris de

ARAÚJO, Íris de

*sen. GO 2003-2007; dep. fed. GO 2007-

 

Íris de Araújo Rezende Machado nasceu em Três Lagoas (MS) no dia 7 de maio de 1943, filha de Severiano Araújo e Maria Aparecida Gonçalves de Araújo.

Em 1965, ingressou no curso de Magistério do Colégio Santa Clara, em Goiânia. Iniciou a faculdade de Administração e Comércio Exterior na União Educacional de Brasília (UNEB), pediu transferência o curso de direito no Centro de Ensino Universitário de Brasília (CEUB), mas não chegou a concluí-lo.

Em 1966, criou a Fundação Legionárias do Bem Estar Social, da Prefeitura Municipal de Goiânia e permaneceu como sua 1ª presidente até 1969. Em 1980, filiou-se ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB). De 1983 a 1986, foi presidente da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), cargo que ocupou novamente, de 1991 a 1994.

Em 1994, foi candidata a vice-presidente da República na chapa de Orestes Quércia, pelo PMDB, mas não obtiveram sucesso, tendo sido eleito, para presidente, Fernando Henrique Cardoso, na legenda do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB).

Íris de Araújo foi presidente do diretório estadual do PMDB de Goiás, de 1995 a 1997, e reeleita ao cargo em 1998. Permaneceu na direção do diretório estadual até julho do mesmo ano, quando foi indicada para ser suplente de Maguito Vilela, candidato nas eleições daquele ano a senador pelo estado de Goiás, na legenda do PMDB, e eleito com 30,16% dos votos válidos. Como primeira suplente, Íris de Araújo assumiu o mandato no Senado Federal de fevereiro a julho de 2003, ocasião em que foi titular da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da Exploração Sexual; de agosto a dezembro de 2005; e, novamente, de maio a setembro de 2006.

No pleito de 2006, foi eleita deputada federal pelo estado de Goiás, na legenda do PMDB, e tomou posse do mandato em fevereiro de 2007. Foi titular da Comissão Permanente de Relações Exteriores e de Defesa Nacional, da qual foi 3ª vice-presidente.

Casou-se com Íris Resende, que foi prefeito de Goiânia (1965-1969, 2005-), governador de Goiás (1983-1986, 1991-1994), ministro da Agricultura durante o governo de José Sarney (1986-1990), senador (1995- 2003), e ministro da Justiça durante o primeiro mandato do presidente Fernando Henrique Cardoso (1997-1998). Com Íris Resende, teve três filhos.

Publicou a obra Dona Íris: histórias de vida e da política (2004).

 

FONTES: Portal da Câmara dos Deputados. Disponível em : <http://www2.cama ra.gov.br/internet/deputados/biodeputado/index.html?nome=%CDRIS+DE+ARA%DAJO&leg=53>. Acesso em : 04 nov. 2009; Portal do Senado Federal. Disponível em : <http://www.senado.gov.br/sf/senadores/senadores_institucional.asp?leg=a&tipo=2&nlegis=52&codparl=1042>. Acesso em : 04 nov. 2009; Portal do TSE. Resultados das eleições. Disponível em : <http://www.tse.gov.br/internet/eleicoes/index.htm>. Acesso em : 04 nov. 2009.

 

 

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados