CARVALHO NETO, RAIMUNDO BARBOSA DE

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: CARVALHO NETO, Raimundo Barbosa de
Nome Completo: CARVALHO NETO, RAIMUNDO BARBOSA DE

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
CARVALHO NETO, Raimundo Barbosa de

CARVALHO NETO, Raimundo Barbosa de

*  dep. fed.  PI 1958-1959.

 

                Raimundo Barbosa de Carvalho Neto nasceu em Amarante (PI) no dia 22 de outu­bro de 1903, filho de Orlando Barbosa de Carvalho e de Anatália de Carvalho.

                Fez os primeiros estudos em sua cidade natal e o secundário no Liceu Piauiense, em Teresina. Em seguida, cursou a Escola Politéc­nica do Rio de Janeiro, então Distrito Federal, pela qual se formou engenheiro civil e geógrafo em 1925.

                De 1926 a 1928, lecionou no Liceu de Teresina. Em seguida, como engenheiro, tra­balhou em São Paulo na estrada de ferro Mayrink-Santos e dirigiu o departamento técnico da Comissão de Saneamento do Esta­do do Rio de Janeiro.

                Em 1932, tornou-se engenheiro da prefei­tura do Distrito Federal por concurso, sendo promovido a engenheiro-chefe da mesma em 1937. Foi também engenheiro-chefe da Construtora Meridional S.A., e professor da Faculdade Nacional de Arquitetura e da Esco­la Politécnica do Rio de Janeiro. Presidiu ainda o Sindicato Nacional de Engenheiros.

                Elegeu-se em outubro de 1954 suplente de deputado federal pelo Piauí na legenda da União Democrática Nacional (UDN), exercen­do o mandato de 12 de setembro de 1958 a 31 de janeiro de 1959.

                Radicado no Rio de Janeiro, foi secretário de Obras do estado da Guanabara durante quatro meses, no  início do governo de Carlos Lacerda (1960-1965). Em outubro de 1962, elegeu-se deputado estadual pelo Rio de Janeiro na legenda da Aliança Renovadora Nacional (Arena), partido de apoio ao regime militar instalado no país em abril de 1964. Reelegendo-se deputado estadual pela legenda arenista no pleito de outubro de 1966, deixou a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro em janeiro de 1970, ao final da legislatura.

                Afastado da vida pública desde então, em maio de 2000 residia no Rio de Janeiro.

                Em sua homenagem, o teatro da Universidade Federal do Rio de Janeiro, construído no campus da Praia Vermelha, foi batizado com o nome de Teatro de Arena Carvalho Neto.

                Casou-se com Valmira de Carvalho Neto, com quem teve dois filhos.

 

FONTES: CÂM. DEP. Deputados; HIRS­CHOWICZ, E. Contemporâneos; ; INF. Valmira de Carvalho Neto; SOC. BRAS. EXPANSÃO COMERCIAL.  Quem;  TRIB.  SUP.  ELEIT.  Dados.

 

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados