ERALDO MACHADO DE LEMOS

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: LEMOS, Eraldo
Nome Completo: ERALDO MACHADO DE LEMOS

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
LEMOS, ERALDO

LEMOS, Eraldo

*dep. fed. SE 1967-1968 e 1971-1975.

Eraldo Machado de Lemos nasceu em Brejo Grande (SE) no dia 6 de maio de 1922, filho de Manuel Machado de Lemos e de Isaura Machado de Lemos.

Ingressando na Faculdade de Ciências Médicas do Rio de Janeiro, em 1943 representou a União Nacional dos Estudantes (UNE) no Congresso Pan-Americano de Estudantes, reunido em Santiago do Chile, e em 1945 foi presidente da delegação universitária brasileira à Conferência Mundial da Juventude, realizada em Londres, e ao Congresso Mundial de Estudantes, em Praga, na Tchecoslováquia.

No pleito de janeiro de 1947 — ano em que se diplomou em medicina — elegeu-se suplente de deputado à Assembléia Constituinte de Sergipe na legenda da União Democrática Nacional (UDN), tendo exercido o mandato. Pecuarista, cursou ainda a Faculdade de Direito de Alagoas, bacharelando-se em ciências jurídicas e sociais em 1954. Foi médico-chefe do Instituto de Aposentadoria e Pensões dos Bancários (IAPB) na Bahia, médico do Serviço de Assistência Médica Domiciliar e de Urgência (SAMDU) e presidente do Instituto de Aposentadoria e Pensões dos Comerciários (IAPC) no biênio 1958-1959, além de diretor da Associação Médica Brasileira (AMB) e da Associação Baiana de Medicina.

Com a extinção dos partidos políticos pelo Ato Institucional nº 2 (27/10/1965) e a posterior instauração do bipartidarismo, filiou-se ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB), partido de oposição ao regime militar instalado no país em abril de 1964, e, no pleito de novembro de 1966, elegeu-se primeiro suplente de deputado federal por Sergipe na legenda desse partido. Ocupou uma cadeira na Câmara dos Deputados de agosto de 1967 a janeiro de 1968 e de abril a julho desse ano. Por essa época, deixou o MDB e filiou-se à Aliança Renovadora Nacional (Arena), em cuja legenda se elegeu deputado federal por seu estado no pleito de novembro de 1970, assumindo o mandato em fevereiro do ano seguinte. Participou na Câmara das Comissões de Agricultura e Política Rural, de Segurança Nacional, de Transportes, Comunicações e Obras Públicas, do Polígono das Secas, de Valorização Econômica da Amazônia, de Saúde, de Orçamento e da Bacia do São Francisco. No pleito de novembro de 1974, elegeu-se segundo suplente de deputado federal por Sergipe na mesma legenda. Deixou a Câmara dos Deputados em janeiro de 1975, não voltando a exercer mandato.

Foi também procurador do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS).

Casou-se com Ana Maria de Oliveira Lemos.

FONTES: CÂM. DEP. Deputados; CÂM. DEP. Deputados brasileiros. Repertório (1967-1971 e 1971-1975); NÉRI, S. 16; Perfil (1972); TRIB. SUP. ELEIT. Dados (1, 8 e 9).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados