KUNIGO, YASSUNURI

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: KUNIGO, Yassunuri
Nome Completo: KUNIGO, YASSUNURI

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
KUNIGO, YASSUNURI

KUNIGO, Yassunuri

*dep. fed. SP 1975-1979.

 

Yassunori Kunigo nasceu em Araçatuba (SP) no dia 27 de abril de 1933, filho dos imigrantes japoneses Jukeu Kunigo e Hanae Kunigo.

Em 1953, diplomou-se cirurgião-dentista pela Faculdade de Farmácia e Odontologia do Espírito Santo, em Vitória. Além dessa profissão, foi jornalista e tradutor juramentado. Em 1959, completou o curso de especialização em ortodontia da Faculdade de Odontologia da Universidade do Paraná.

No pleito de novembro de 1974, elegeu-se deputado federal por São Paulo na legenda do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), partido de oposição ao regime militar instaurado no país em abril de 1964, iniciando o mandato em fevereiro de 1975. Integrou na Câmara a Comissão de Minas e Energia, tendo sido também vice-presidente das comissões de Agricultura e Política Rural e de Saúde e suplente da Comissão de Relações Exteriores. Membro do Grupo Parlamentar Brasil-Japão, participou de várias reuniões, como intérprete, com políticos e empresários brasileiros e japoneses. Candidatou-se sem sucesso à reeleição em novembro de 1978, e encerrou seu mandato em janeiro do ano seguinte, ao final da legislatura.

Com a extinção do bipartidarismo em novembro de 1979 e a conseqüente reformulação partidária, filiou-se ao Partido Democrático Social (PDS) e nessa legenda concorreu novamente a uma cadeira na Câmara dos Deputados pelo estado de São Paulo, no pleito de novembro de 1982, obtendo apenas uma suplência.

Assessor especial da presidência do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) entre 1985 e 1988, foi também assessor especial do Ministério da Previdência e Assistência Social na gestão de Jáder Barbalho (1988-1990).

Como decorrência de suas freqüentes viagens ao Japão, desde os anos 1970, Kunigo estabeleceu vínculos estreitos com políticos e empresários japoneses, participando diretamente da instalação, no Brasil, de três empresas nipônicas, em 1989. Na condição de tradutor juramentado, foi o tradutor oficial do imperador do Japão, Akihito, durante sua visita ao Brasil em 1998, por ocasião das comemorações do 90º aniversário da imigração japonesa.

Diretor-conselheiro da Takasago Internacional e Takasago do Brasil, indústria japonesa de perfumes e aromáticos, com fábricas na Bahia e em São Paulo e plantações no Pará e na Bahia, foi também conselheiro da Associação Internacional do Desenvolvimento da Energia da Mandioca, entidade nipo-brasileira sediada em Belém e diretor acionista da Companhia de Desenvolvimento da Mandioca S.A. (Copamasa) e da International Mandioca Development Company, do Japão. Diretor-executivo da Consbrás S.A., com matriz em Yokohama e filial em São Paulo, Kunigo foi diretor-responsável da revista Notícias Brasil-Japão, órgão bilíngüe da comunidade nipo-brasileira. Tornou-se também conselheiro de diversas associações culturais e esportivas da comunidade nipo-brasileira em São Paulo.

Formou-se também em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero, em São Paulo.

Casou-se com Chieko Miyazaki Kunigo, com quem teve três filhos.

 

FONTES: CÂM. DEP. Deputados; CÂM. DEP. Deputados brasileiros. Repertório (1975-1979); CURRIC. BIOG.; NÉRI, S. 16.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados