Marco Antônio Raupp

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: RAUPP, Marco Antônio
Nome Completo: Marco Antônio Raupp

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:

RAUPP, Marco Antônio

* min. Ciência, Tecnologia e Inovação 2012-2014

 

Marco Antônio Raupp nasceu na cidade de Cachoeira (RS), em 1938.

Fez graduação em Física, na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Concluiu o doutorado em Matemática, na Universidade de Chicago, em 1971.

Iniciou a carreira docente no ensino superior como professor da Universidade de Brasília (UNB). Dirigiu o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), órgão vinculado ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), de 1985 a 1989. Durante a sua passagem pelo órgão, negociou o acordo de cooperação com a Academia Chinesa de Tecnologia Espacial, que resultou no Programa Sino-Brasileiro de Satélites de Recurso Terrestre.

Foi o primeiro diretor do Instituto Politécnico do Rio de Janeiro (IPRJ), campus da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) em Friburgo (RJ), ficando no cargo entre 1990 e 1992. No ano de 1994, obteve Livre Docência na Universidade de São Paulo (USP). Esteve na direção do Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), pertencente ao Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), entre 2001 e 2006, onde implantou o Laboratório de Bioinformática. Em seguida, de 2006 a 2011, atuou na administração do Núcleo do Parque Tecnológico de São José dos Campos, área de 1,2 milhões de metros quadrados, em que foi instalado um Centro Empresarial que abriga vinte e cinco pequenas e médias empresas de base tecnológica, em um empreendimento pertencente ao Sistema Paulista de Parques Tecnológicos. Presidiu a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), de 2009 a 2011.

Foi convidado a dirigir a Agência Espacial Brasileira (AEB), autarquia federal, de natureza civil, vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), responsável pela formulação e coordenação da política espacial brasileira, nela atuando entre os anos de 2011 e 2012. Na sua gestão, foram reiniciadas as negociações bilaterais Brasil-Ucrânia para o lançamento de foguetes e satélites comerciais, a partir da base de Alcântara (MA), com o estímulo à criação da Alcântara Cyclone Space, empresa responsável pelo desenvolvimento de projetos aeroespaciais entre os dois países. Como diretor da AEB, Raupp assinou termos de cooperação e compartilhamento de tecnologia com a Agência Espacial Norte-Americana (NASA), que possibilitaram a participação brasileira em projetos sobre mudanças climáticas e alterações na camada de ozônio.

Participou do governo Dilma Rousseff (2011-), na condição de ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), indicado em 2012, pelo antecessor na pasta, Aloizio Mercadante, durante a primeira reforma ministerial realizada pela Presidência da República. Com essa mudança, Mercadante foi para o Ministério da Educação, substituindo Fernando Haddad, que assim pôde se dedicar com antecedência à campanha pela prefeitura da cidade de São Paulo.

No MCTI, em uma linha de continuidade com administração anterior, Raupp procurou estimular a ciência por meio de parcerias com o setor produtivo, tendo como proposta a criação da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII). Deixou o ministério em 17 de março de 2014, substituído por Clélio Diniz.

É membro titular da Academia Internacional de Astronáutica (IAA), comendador da Ordem do Rio Branco do Ministério das Relações Exteriores e Oficial da Ordem do Mérito das Forças Armadas do Estado Maior das Forças Armadas (EMFA). Recebeu, em 2010, a Grã-Cruz da Ordem Nacional do Mérito Científico da Presidência da República.

 

Sérgio de Sousa Montalvão

 

FONTES: Currículo Lattes; Folha de São Paulo (26/09/2011, 28/10/2011, 18/01/2011, 19/01/2012 e 25/01/2012); Portal FAPESP. Disponível em: <http://www.fapesp.br>. Acesso em 01/10/2014; Portal do Jornal da Ciência, Disponível em: <http://www.jornaldaciencia.org.br>. Acesso em 01/10/2014.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados