NOGUEIRA, Edvaldo

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: NOGUEIRA, Edvaldo
Nome Completo: NOGUEIRA, Edvaldo

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
NOGUEIRA, EDVALDO

NOGUEIRA, Edvaldo

* pref. Aracaju 2007-2009, 2009-2013; 2017-. 

 

Edvaldo Nogueira Filho nasceu em Pão de Açúcar (AL) no dia 25 de janeiro de 1961, filho de Edvaldo Bezerra Nogueira e de Maria de Lourdes Santana Nogueira.

Estudou medicina na Universidade Federal de Sergipe (UFS), mas não concluiu a graduação, cursada até o quinto ano. Iniciou sua militância política ainda na universidade, ao ocupar o cargo de secretário-geral do Diretório Central de Estudantes (DCE). Em 1981, filiou-se ao Partido Comunista do Brasil (PCdoB), tendo trabalhado como um dos fundadores do partido no estado de Sergipe. No decorrer de 1984 foi eleito presidente do DCE e, como líder estudantil, participou ativamente das manifestações políticas que marcaram o fim do período militar no Brasil.

Pela legenda do PCdoB, elegeu-se vereador em Aracaju no pleito de novembro de 1988. Reeleito em 1992, nas duas legislaturas presidiu a Comissão de Finanças.

Nas eleições de outubro de 2000, candidatou-se a vice-prefeito de Aracaju na chapa encabeçada por Marcelo Déda, então vitoriosa e reeleita em outubro de 2004. Em abril de 2006, com a renúncia de Déda para disputar o governo do estado de Sergipe, foi empossado prefeito de Aracaju, tornando-se o primeiro militante do PCdoB a administrar uma capital brasileira.

Em outubro de 2008, disputou com sucesso o cargo de prefeito de Aracaju pela legenda do PCdoB, sendo eleito no primeiro turno das eleições, com 140. 962 votos, correspondentes a 51,72% da preferência do eleitorado aracajuano. Tomou posse em janeiro do ano seguinte, agradecendo em seu discurso o apoio do amigo e então governador sergipano Marcelo Deda, e pontuando que sua vitória no primeiro turno revelava a concordância do povo de Aracaju com o modelo democrático de gestão com que vinha conduzindo a prefeitura.

No pleito municipal de outubro de 2012 apoiou o candidato Valadares Filho, do Partido Social Democrático (PSD), derrotado no primeiro turno por João Alves, do Democratas (DEM), eleito com 52,72% dos votos. Edvaldo Nogueira voltou a disputar as eleições de 2014, concorrendo ao cargo de deputado federal. Nessa ocasião, obteve 36. 570 votos, que lhe garantiram uma suplência na Câmara dos Deputados.

Em outubro de 2016 foi novamente eleito prefeito de Aracaju, numa votação apertada, decidida no segundo turno, quando obteve 146.271 votos na disputa contra Valadares Filho (PSB), votado por 134.435 eleitores. O primeiro turno também foi liderado por Nogueira, que obteve 38, 76%, menos de um ponto percentual em relação ao candidato pesedebista, que alcançou 38,09% da escolha do eleitorado.

Em janeiro de 2017 tomou posse em cerimônia realizada no Tribunal de Justiça de Sergipe. Nessa ocasião, afirmou que via a votação da maioria popular por seu retorno à prefeitura como o reconhecimento pelo trabalho já realizado por ele no município aracajuano. Além disso, destacou a importância do apoio do governador Jackson Barreto à sua vitória nas urnas.

Anteriormente à solenidade de posse, na Catedral Metropolitana de Aracaju foi realizada uma missa de ação de graças pela nova gestão, com a presença do recém-eleito prefeito e de sua vice, Eliane Aquino, do Partido dos Trabalhadores (PT), além de personalidades da política sergipana. Nessa ocasião, ao conversar com a imprensa, Edvaldo Nogueira pontuou que recuperar a saúde e melhorar a educação seriam prioridades de sua gestão, assim como pagar os servidores em dia e economizar recursos financeiros para investimentos em prol da cidade.

Foi casado com Tânia Soares, com quem teve um filho. Posteriormente contraiu núpcias com Indira Amaral e, posteriormente, com Danusa Silva.

 

Jougi Guimarães Yamashita

Luciana Pinheiro (atualização)

 

FONTES: Portal de Edvaldo Nogueira. Disponível em: < http://edvaldonogueira.com.br/>. Acesso em 13/01/2017; Portal do jornal Folha de São Paulo. Disponível em: <http://www1.folha.uol.com.br>. Acesso em 26/07/2009 e em 13/01/2017; Portal do Jornal O Globo. Disponível em < http://oglobo.globo.com/>. Acesso em 13/01/2017; Portal da Prefeitura de Aracaju. Disponível em: <http://www.aracaju.se.gov.br/>. Acesso em 26/07/2009 e em 13/01/2017; Revista do IHGSE (n.36/2007). Disponível em: <http://www.ihgse.com.br/revistas/36.pdf>. Acesso em 26/07/2009; Portal UOL. Disponível em: <http://eleicoes.uol.com.br/>. Acesso em 26/07/2009 e em 13/01/2017.

 


Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados