ROCHA, Geraldo Lyrio

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: ROCHA, Geraldo Lyrio
Nome Completo: ROCHA, Geraldo Lyrio

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
ROCHA, Geraldo Lyrio

ROCHA, Geraldo Lyrio

*religioso; pres. CNBB 2007-

 

Geraldo Lyrio Rocha nasceu no município de Fundão (ES) no dia 14 de março de 1942, filho de Crysanto de Jesus Rocha e de Leovegilda Lyrio Rocha.

Fez o curso primário no Grupo Escolar Ernesto Nascimento, em sua terra natal, e o colegial no Colégio Salesiano Nossa Senhora da Vitória e no Seminário Nossa Senhora da Penha, em Vitória. Em 1960, transferiu-se para o Seminário Provincial do Coração Eucarístico de Jesus, em Belo Horizonte. Licenciado em filosofia pela Faculdade Dom Bosco de São João del Rei (MG), em 1963 seguiu para Roma e concluiu o curso de teologia na Universidade Gregoriana. Fez ainda o mestrado em filosofia na Pontifícia Universidade Santo Tomás de Aquino e especialização em liturgia no Pontifício Ateneu Santo Anselmo, todos em Roma.

De volta ao Brasil, foi ordenado sacerdote em agosto de 1967. Nesse ano, assumiu o cargo de diretor espiritual do Seminário Nossa Senhora da Penha. Em 1968 foi um dos fundadores e diretor do Instituto de Pastoral da Arquidiocese de Vitória, e também assumiu a paróquia de Itacibá (ES). Em 1969, foi nomeado reitor do Seminário Nossa Senhora da Penha. Em 1975 e 1976 foi pároco de Praia do Suá. Nesse último ano deixou a reitoria do seminário e os cargos na arquidiocese, e em 1978 assumiu a paróquia de Vila Rubim.

Em 1984 foi ordenado bispo e designado bispo auxiliar da Arquidiocese de Vitória. Nessa condição desempenhou várias funções junto à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), tendo sido vice-presidente e membro da Comissão Episcopal Pastoral (CEP) da Regional Leste 2, responsável pelo setor de vocações, seminários e presbíteros entre 1985 e 1987 e pelo setor de liturgia entre 1987 e 1989. Foi ainda, entre 1985 e 1989, membro do departamento de liturgia do Conselho Episcopal Latino-Americano (Celam), função que voltaria a exercer entre 1995 e 1999.

Em 1990 foi designado bispo de Colatina (ES), e em 1992 integrou a delegação brasileira à IV Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano, em Santo Domingo. Em 1995, voltou a participar da CEP e a responder pela liturgia. Em 1997 foi eleito pela assembleia da CNBB delegado à Assembleia Episcopal do Sínodo dos Bispos para a América, que aconteceria em Roma. Em 1999, deixou a CEP e passou a presidir o departamento de liturgia do Celam.

Em 2002, foi nomeado arcebispo de Vitória da Conquista (BA). No ano seguinte, foi eleito segundo vice-presidente do Celam e presidente (2003-2007) da Regional Nordeste 3 da CNBB, abrangendo os estados da Bahia e Sergipe. Em 2005 participou do Sínodo sobre a Eucaristia, em Roma, e em abril de 2007 foi nomeado arcebispo de Mariana (MG). Em maio seguinte foi eleito presidente da CNBB, em votação em que pela primeira vez foi usada a urna eletrônica. Participou ativamente da V Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano e do Caribe realizada entre 13 e 31 do mesmo mês em Aparecida do Norte (SP), que teve como tema “Discípulos e missionários de Jesus Cristo, para que n’Ele nossos povos tenham vida” e, como lema, “Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida”.

Na condição de presidente da CNBB, dom Geraldo aderiu à pressão social junto aos congressistas brasileiros pela aprovação da proposta de emenda constitucional 438/2001, que determinava a expropriação (sem pagamento de indenização) de propriedades onde fosse constatada a exploração de mão-de-obra escrava. Segundo texto por ele assinado, “se o desrespeito à função social da propriedade da terra já é, segundo a Constituição, motivo suficiente para sua possível desapropriação, o uso da propriedade como instrumento para escravizar o próximo é crime absolutamente intolerável contra a dignidade e contra a vida. Nada mais justo que os que praticam esse crime venham a perder sua propriedade, sem compensação, para que o Estado lhe dê destinação apropriada, especificamente, para a reforma agrária!”. Defendeu também a implantação do ensino religioso nas escolas públicas do país, afirmando que “o Estado é laico, mas a sociedade não é laica. Os alunos não são arreligiosos”. Reafirmou, ainda, a posição da Igreja Católica contra o aborto e criticou o cenário político nacional, que estaria vivendo “grave crise institucional”. Ainda em 2007, representou a CNBB no encontro com o presidente Luís Inácio Lula da Silva (2003-) a fim de tratar do caso de dom Luís Flávio Cappio, bispo de Barra (BA), em greve de fome com o objetivo de impedir a realização do projeto do governo federal de transposição das águas do rio São Francisco.

Em maio de 2009, participou da reunião do Celam em Manágua.

Publicou Introdução ao pensamento filosófico (em co-autoria).

 

Bruno Marques

 

FONTES: Diário de Barretos (online). Disponível em : <http://www.odiariodebarretos. com.br/www1/online/artigos_especiais/redevida.htm>. Acesso em : 21 set. 2009; Portal Alerta Total (26/10/07). Disponível em : <http://www.alertatotal.net/2007/10/ sigilo-fiscal-ameaado-lula-vai-mesmo.html>. Acesso em : 05 out. 2009; Portal Arquidiocese de Brasília. (4/5/07). Disponível em : <http://www.arquidiocesedebrasilia. org.br/noticias/2007/noticia2007_05_04a.html>. Acesso em : 21 set. 2009; Portal Canção Nova (3/5/07). Disponível em : <http://noticias.cancaonova.com/noticia. php?id=229442> e <http://noticias.cancaonova.com/noticia.php?id=229551>. Acesso em : 21 set. e 05 out. 2009; Portal CNBB - Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. Disponível em : <http://www.cnbb.org.br/bispos/visual/index.php?nome=Geraldo+ Lyrio&diocese>. Acesso em : 21 set. 2009; Portal Paróquia Nossa Senhora Aparecida. Disponível em : <http://paroquiaaparecida.org/site/?p=451>. Acesso em : 21 set. 2009; Portal Rádio Vaticano (13/12/07). Disponível em : <http://www.vaticanradio.org/bra/ Articolo.asp?c=173643>. Acesso em : 21 set. 2009; Portal Repórter Brasil (5/6/08). Disponível em : <http://www.reporterbrasil.com.br/exibe.php?id=1362>. Acesso em : 05 out. 2009; UOL Educação (23/8/09). Disponível em : <http://educacao.uol.com.br/ ultnot/2009/08/23/ult105u8591.jhtm>. Acesso em : 05 out. 2009.

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados