VALDEMAR DE OLIVEIRA GUIMARAES

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: GUIMARÃES, Valdemar
Nome Completo: VALDEMAR DE OLIVEIRA GUIMARAES

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
GUIMARÃES, VALDEMAR

GUIMARÃES, Valdemar

*dep. fed. PA 1963-1967.

 

Valdemar de Oliveira Guimarães nasceu em Salvador no dia 15 de dezembro de 1914, filho de Alonso Ribeiro Guimarães e Virgínia de Oliveira Guimarães. Seu avô materno Manuel Duarte Oliveira foi senador estadual e seu tio Aníbal Duarte d’Oliveira foi deputado federal pelo Pará (1946-1951).

Transferiu-se para o Pará e depois para o Rio de Janeiro, então Distrito Federal, onde representou o governo paraense durante as administrações de Otávio Meira (1946), Luís Geolás de Moura Carvalho (1947-1950) e Joaquim de Magalhães Barata (1956-1959). De volta ao Pará, foi secretário de Finanças do estado na segunda gestão do governador Luís Geolás de Moura Carvalho (1959-1961). Em 1961, quando Moura Carvalho tornou-se prefeito de Belém, foi nomeado secretário de Finanças da prefeitura.

Eleito deputado federal pelo Pará no pleito de outubro de 1962, na legenda do Partido Social Democrático (PSD), assumiu seu mandato em fevereiro de 1963. Em 1965 foi apresentado por seu partido como candidato à prefeitura de Belém, mas foi derrotado nas eleições por Estélio Maroja. Com a extinção dos partidos políticos pelo Ato Institucional nº 2, editado em 27 de outubro daquele ano, e a posterior instauração do bipartidarismo, filiou-se à Aliança Renovadora Nacional (Arena). Nessa legislatura participou das comissões de Finanças, de Fiscalização Financeira, de Transportes e de Comunicações e Obras Públicas, e integrou a assessoria parlamentar da Diretoria de Ensino Superior do Ministério da Educação e Cultura. Em novembro de 1966 concorreu novamente a uma cadeira de deputado federal pelo Pará, já na legenda da Arena, mas obteve apenas uma suplência. Deixando a Câmara em janeiro de 1967, não chegou a assumir nova cadeira.

No Pará, foi ainda auxiliar da justiça do estado, diretor dos departamentos de Serviço Público e de Material, provedor da Santa Casa de Misericórdia em diversos períodos, presidente do Montepio dos Funcionários do Estado e membro do Conselho Rodoviário da capital.

Faleceu em Belém no dia 12 de abril de 1978.

Foi casado com Arlete Mariath Guimarães, com quem teve quatro filhos, entre eles Alonso Mariath Guimarães, vereador em Belém na legenda do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) a partir de 1977.

 

 

FONTES: CÂM. DEP. Anais; CÂM. DEP. Deputados brasileiros. Repertório (1946-1967); Jornal do Brasil (13/4/78); ROQUE, C. Grande; TRIB. SUP. ELEIT. Dados (6 e 8).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados