ZARATTINI, Carlos

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: ZARATTINI, Carlos
Nome Completo: ZARATTINI, Carlos

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
ZARATTINI, Carlos

ZARATTINI, Carlos

*dep. fed. SP 2007-

 

Carlos Alberto Rolim Zarattini nasceu na cidade de São Paulo no dia 8 de junho de 1959, filho de Ricardo Zarattini Filho e de Alceste Rolim de Moura. Seu pai foi ativo militante político, tendo sido preso e torturado durante a ditadura militar brasileira.

Em 1979, ainda sob a ditadura militar, participou da reorganização dos estudantes secundaristas em São Paulo. Pertenceu à Juventude do antigo Movimento Democrático Brasileiro (MDB), em seguida ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), e em 1985 filiou-se ao Partido Comunista Brasileiro (PCB). Formou-se em economia pela Faculdade de Economia e Administração da Universidade de São Paulo (USP) em 1986 e especializou-se em engenharia de transporte.

Em 1987 ingressou no Partido dos Trabalhadores (PT). Trabalhando no Metrô, foi eleito secretário-geral do Sindicato dos Metroviários por duas vezes. Liderou a luta por significativas conquistas da sua categoria, como o adicional de periculosidade elétrica, a redução da jornada de trabalho para 36 horas e reajustes salariais que superavam a hiperinflação da época.

Em 1992, foi candidato a vereador na capital paulista na legenda do PT e obteve a terceira suplência. Em 1995 assumiu o mandato e apresentou projeto de lei criando o Bilhete Único. O projeto foi aprovado pela Câmara Municipal, mas vetado pelo então prefeito Paulo Maluf.

Em 1998 foi eleito deputado estadual. Assumiu o mandato em fevereiro de 1999 e passou a atuar principalmente na área de educação e transportes. Com a eleição da petista Marta Suplicy para a prefeitura da cidade de São Paulo em 2000, assumiu em 2001 a Secretaria Municipal de Transportes. Elaborou projeto de lei, aprovado pela Câmara Municipal e sancionado pela prefeita, reestruturando o sistema de transporte público da cidade, condição indispensável para a implantação do Bilhete Único, sua antiga bandeira. A proposta enfrentou forte resistência de empresários do setor e do próprio Sindicato dos Condutores de São Paulo, mas acabou sendo implantada. Na secretaria, coordenou ainda a criação do transporte escolar gratuito, o chamado Vai e Volta, regulamentou o sistema de fretamento e de táxis e ampliou os quadros operativos da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Em 2004 assumiu a Secretaria das Subprefeituras da cidade de São Paulo

Em 2006 candidatou-se a deputado federal por São Paulo na legenda do PT. Eleito, assumiu o mandato em fevereiro de 2007 e tornou-se titular da Comissão de Viação e Transporte.

Casou-se com a socióloga e educadora Cida Perez, que foi secretária de Educação Municipal de São Paulo, na gestão de Marta Suplicy, e teve uma filha.

 

Orson Camargo

 

FONTES: Site da Câmara dos Deputados <www.camara.gov.br>, acesso em 09/06/2009. Site da Fundação Seade-SP <www.seade.gov.br>, acesso em 15/06/2009. Site do Deputado Carlos Zarattini <www.zarattinipt.com.br>, acesso em 15/06/2009. Site da Prefeitura de Campinas <www.campinas.sp.gov.br>, acesso em 23/06/2009.

 

 

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados