FRENTE NEGRA BRASILEIRA

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: FRENTE NEGRA BRASILEIRA
Nome Completo: FRENTE NEGRA BRASILEIRA

Tipo: TEMATICO


Texto Completo:
FRENTE NEGRA BRASILEIRA

FRENTE NEGRA BRASILEIRA

 

Entidade fundada em 16 de setembro de 1931 em São Paulo, com o objetivo de defender os direitos civis do negro. Foi extinta em 1937.

A Frente Negra Brasileira começou a ser articulada em 1928, quando houve uma tentativa de se realizar um congresso da mocidade negra. O movimento só se formou, entretanto, no início da década de 1930, tendo como principais organizadores Arlindo Veiga dos Santos e José Correia Leite.

O objetivo da frente, segundo seus estatutos, era promover a “união política e social da gente negra nacional, para a afirmação dos direitos históricos da mesma em virtude de uma atividade moral e material no passado, e para a reivindicação dos seus direitos materiais e políticos atuais na comunhão brasileira”. A organização seria composta de negros de ambos os sexos, visando “à elevação moral, intelectual, artística, teórico-profissional e física e à assistência, à proteção e à defesa social, jurídica e econômica do trabalho da gente negra”. A frente pleiteava também cargos eletivos de representação para os negros, tendo apresentado aos constituintes de 1933 reivindicações de igualdade de direitos.

Logo após a sua fundação, a entidade experimentou um rápido crescimento, formando-se núcleos no Rio de Janeiro e nos estados da Bahia, de Pernambuco, de Minas Gerais e do Rio Grande do Sul. A atuação da frente consistiu sobretudo em realizar manifestações públicas contra a discriminação racial. Além disso, para divulgar suas posições, a organização editava o jornal O Clarim da Alvorada.

O enfraquecimento da frente deu-se em conseqüência das divergências internas do grupo. Enquanto o dirigente Arlindo Veiga dos Santos se achava ligado ao Movimento Patrianovista, de orientação de direita, José Correia Leite se filiava ao pensamento socialista. Tal polarização levou ao fracionamento do grupo e à sua dissolução.

 

 

FONTES: Diário Oficial, Rio (4/11/31, 14/11/32); Manhã, Rio (6/8/35); NASCIMENTO, A. Entrevistas; SCHMITER, P. Interest.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados