Alexandre de Souza Costa Barros

Entrevista

Alexandre de Souza Costa Barros

Entrevista realizada no contexto do projeto “História Audiovisual das Ciências Sociais no Brasil”, desenvolvido com financiamento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico (CNPq), entre dezembro de 2012 e dezembro de 2015, com o objetivo de constituir um acervo audiovisual de entrevistas com cientistas sociais brasileiros. Para ter acesso à transcrição e ao vídeo da entrevista
Forma de Consulta:
Entrevista em texto disponível para download.
Entrevista em vídeo disponível na Sala de Consulta do CPDOC e trechos no portal.

Tipo de entrevista: História de vida
Entrevistador(es):
Celso Castro
Adriana Marques do Nascimento
Data: 17/12/2013
Local(ais):
Rio de Janeiro ; RJ ; Brasil

Duração: 1h55min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Alexandre de Souza Costa Barros
Formação: Graduação em Ciências Sociais pela PUC-RJ. Doutorado pela Universidade de Chigado como Cientista político.
Atividade:

Equipe


Transcrição: Maria Izabel Cruz Bitar;

Conferência da transcrição: Juliana Rodrigues de Oliveira Souza;

Técnico Gravação: Ninna Carneiro;

Sumário: Bianca França;

Temas

Brasília;
Brasilianistas;
Carreira acadêmica;
Ciências Sociais;
Civis e militares;
Colégio Interamericano de Defesa;
Ensino primário;
Ernesto Geisel;
Escola Superior de Guerra;
Exército;
Família;
Formação acadêmica;
Formação profissional;
Golpe de 1964;
Homenagens e condecorações;
Indústria bélica;
Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (Iuperj);
José Bina Machado;
Metodologia de pesquisa;
Militares;
Pontifícia Universidade Católica;
Regime militar;
Socialismo;
Sociologia;
União Nacional dos Estudantes;
Universidade de Chicago ;

Sumário

Entrevista: 17 de dezembro de 2013

Origens familiares paulistas maternas; origens familiares lusas e comunistas; origens paternas mineiras; formação dos pais; formação no ensino primário e científico; graduação e carreira acadêmica; convocação para servir ao exército; a experiência de servir como recruta (1961/1962); o interesse por Ciências Sociais; a graduação em Sociologia e Política na Pontifícia Universidade Católica (PUC); a vivência na União Nacional dos Estudantes (UNE); o curso na Pontifícia Universidade Católica (PUC); professores marcantes; a experiência do Golpe de 1964 durante a graduação; o estágio no Instituto de Ciências Sociais (ICS); a ida para a Universidade de Chicago; chegada em Chicago e a adaptação; estudos do programa de cursos regulares e o mestrado; a tese sobre os militares; o interesse na pesquisa sobre os militares; a volta para o Brasil para pesquisa de doutorado (1970); acontecimentos durante a ditadura; lembranças do General Bina Machado; a proximidade com os militares; a ida para a Escola Superior de Guerra (ESG); a contribuição da experiência com os militares para a sua pesquisa; a visita da polícia em sua casa em 1974; a prisão de Fred Morris (pastor protestante preso e torturado na ditadura); a estadia na ESG; a pesquisa entre os militares; opinião dos colegas acadêmicos sobre a estadia na ESG; métodos de pesquisa de campo; suspeitas do meio acadêmico na aproximação com a ESG; a ida para o IUPERJ – Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro; o convite para a posse do General Geisel à presidência da República; avaliações sobre o trabalho de Alfred Stepan e dos brasilianistas; a influência de Morris Janowitz; a defesa de sua tese, menção e a não publicação da tese; as críticas sobre a tese; os artigos escritos sobre a indústria bélica; ao passagem pelo IUPERJ de 1979 a 1985; a expulsão e o rompimento institucional e pessoal; o Comitê de Pesquisa sobre Forças Armadas e Sociedade; a passagem pela George Washington University para lecionar no Instituto de Estudos Brasileiros; o Programa Minerva; aulas na Universidade da Flórida; seminários sobre relações civis e militares; Repercussão da tese na ESG; o convite para escrever sobre indústria bélica para a revista Papirus em 1987; os grupos de estudos estratégicos; a passagem e a adaptação para o mundo da consultoria; o trabalho na Unieuro em Brasília; trabalho com militares durante a consultoria; experiência de ter ganho a medalha Ordem Santos Dummont; o colégio Interamericano de Defesa; um livro que marcou sua formação como cientista social.

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados