Armando Monteiro Filho II

Entrevista

Armando Monteiro Filho II

Entrevista realizada no contexto do projeto "Memória Viva" na vigência do contrato entre o CPDOC/FGV e a Assembléia Legislativa do Estado de Pernambuco, entre março de 2005 e 2007. O projeto visa à criação do Núcleo de Memória Pernambucana (NUPEME), que compreende a montagem de um banco de entrevistas sobre a história política contemporânea de Pernambuco com políticos pernambucanos de expressão regional e/ou nacional que atuaram ou atuam no Poder Legislativo. O material produzido foi editado, dando origem ao livro PROJETO memória Viva: 14 depoimentos sobre a política pernambucana / Organizadoras Celia Costa e Dulce Pandolfi. Recife: Assembléia Legislativa do Estado de Pernambuco, 2007. 2v. il. A escolha do entrevistado se justificou porque foi deputado estadual pelo PSD (1951-1954), deputado federal por Pernambuco (1955-1963), ministro da Agricultura (1961-1962).
Forma de Consulta:
Entrevista publicada em livro.
Referência completa: PROJETO memória Viva: 14 depoimentos sobre a política pernambucana / Organizadoras Celia Costa e Dulce Pandolfi. Recife: Assembléia Legislativa do Estado de Pernambuco, 2007. 2v. il.

Tipo de entrevista: História de vida
Entrevistador(es):
Célia Maria Leite Costa
Dulce Chaves Pandolfi
Data: 31/3/2005
Local(ais):
Recife ; PE ; Brasil

Duração: 3h0min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Armando de Queiroz Monteiro Filho
Nascimento: 11/9/1925; Reichenberg; -; Áustria;

Formação: Engenheiro Industrial (Mecânico) pela Escola de Engenharia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).
Atividade: Deputado estadual (PSD) (1951-1954). Deputado federal PE (1955-1961). Ministro da Agricultura (1961--1962). Deputado federal PE (1962-1963).

Equipe

Levantamento de dados: Célia Maria Leite Costa;Dulce Chaves Pandolfi;
Pesquisa e elaboração do roteiro: Célia Maria Leite Costa;Dulce Chaves Pandolfi;

Transcrição: Lia Carneiro da Cunha;

Conferência da transcrição: Célia Maria Leite Costa;Lara de Melo dos Santos;

Copidesque: Paulo César Farah;

Técnico Gravação: Clodomir Oliveira Gomes;

Sumário: Lara de Melo dos Santos;

Temas

Agamenon Magalhães;
Armando Monteiro Filho;
Barbosa Lima Sobrinho;
Campanha do petróleo (1948-1953);
Campanha eleitoral;
Eleições estaduais;
Eleições presidenciais;
Etelvino Lins;
Francisco Julião Arruda de Paula;
Frente Parlamentar Nacionalista (1956);
Golpe de 1964;
Governo estadual;
Governo Getúlio Vargas (1951-1954);
Governo João Goulart (1961-1964);
Governo Juscelino Kubitschek (1956-1961);
Ligas camponesas (1955-1964);
Miguel Arraes;
Movimento Democrático Brasileiro;
Obras públicas;
Partido do Movimento Democrático Brasileiro - PMDB;
Partidos políticos;
Pernambuco;
Reforma agrária;
União Democrática Nacional;
União Nacional dos Estudantes;

Sumário

Entrevista 31.03.2005.
Fita 1-A: Infância e primeiros estudos em Serinhaém; mudança para o Recife (aproximadamente 1935); curso ginasial no Colégio Oswaldo Cruz (1935-1942); família paterna e família materna; irmãos, morte do cunhado José Múcio Monteiro; opção pela engenharia; influência do padrinho Luís Osório de Siqueira Neto nessa opção; casamento (1949); atuação do entrevistado na direção da parte comercial do engenho Cucaú a convite do pai; na faculdade de Engenharia (1942-48); morte de Demócrito de Souza Filho em comício no Recife (1945); militância estudantil; na secretaria da UNE, luta contra o Estado Novo (1937-45); eleição de Eurico Dutra (1945); a União Democrática Nacional (UDN) e a esquerda democrática em Pernambuco; campanha e eleição de Barbosa Lima Sobrinho para o governo do estado (1946); ingresso do entrevistado no Partido Social Democrático (PSD) em 1948, por influência de Barbosa Lima Sobrinho; candidatura e eleição de Armando de Queirós Monteiro, pai do entrevistado, para a Assembléia Legislativa de Pernambuco (1950); posse de Alexandre José Barbosa Lima Sobrinho (1948); candidaturas de Agamenon Magalhães e João Cleófas nas eleições estaduais em Pernambuco (1950) ........................................................p..1-7

Fita 1-B: Montagem da máquina do PSD em Pernambuco; coronéis que constituíam a base eleitoral de Barbosa Lima Sobrinho e Agamenon Magalhães; candidaturas de Cid Sampaio e Jarbas Maranhão para o governo do estado em Pernambuco (1958); governo Cid Sampaio (1959-62); atuação como secretário de Viação e Obras Públicas no governo Barbosa Lima Sobrinho (1951-54); plano de pavimentação das estradas de Pernambuco; encontro com Getúlio Vargas para tratar do projeto rodoviário de Pernambuco; eleição de Etelvino Lins para o governo do Estado (1952) pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB); governo e secretariado de Agamenon Magalhães (1937-45; 1951-52); morte de Agamenon Magalhães (1952).............................................................................p...7-13

Fita 2-A: Reação da população e dos inimigos políticos, em Pernambuco, à morte de Agamenon Magalhães; Carlos de Lima Cavalcanti (UDN) na Assembléia Legislativa de Pernambuco (1954); campanha e eleição de Etelvino Lins para o governo do estado (1952); convite - recusado - de Etelvino Lins para assumir a prefeitura do Recife; permanência na Secretaria de Viação e Obras Públicas; formação do secretariado de Etelvino Lins, com José Maciel na prefeitura; eleição do entrevistado para a Assembléia Legislativa de Pernambuco (1951); visão sobre a Assembléia; projeto de pavimentação das estradas de Pernambuco (municípios de Vitória e Oricuri); relação com os demais parlamentares e pedidos destes para a construção de estradas; eleição para a Câmara Federal (1954); participação na ala moça do PSD; atuação na Câmara dos deputados (1954-1958); Petrobrás e a campanha O Petróleo é nosso; A Frente Parlamentar Nacionalista (PSD-PTB)................................................................................................................. p.13-20.

Fita 2-B: Eleição de Cordeiro de Farias para o governo do estado em Pernambuco (1954); adesão a campanha de Juscelino Kubitschek para a presidência da República; eleição e governo Juscelino Kubitschek (1955-60); campanha e eleição de Cid Sampaio para o governo do estado de Pernambuco (1958); derrota e declínio do PSD em Pernambuco; antecedentes e posse de João Goulart; recusa ao convite para o cargo de Ministro da Justiça; eleições para o governo do estado de Pernambuco (1962); candidatura, campanha e derrota do entrevistado nessas eleições; governo Getúlio Vargas; no Ministério da Agricultura (1961-62); Reforma agrária; o Ministério de João Goulart; criação da comissão de reforma Agrária durante sua permanência no Ministério......p.20-26.

Fita 3-A: Relações com as Ligas Camponesas; Francisco Julião e a reforma agrária; encontro com Francisco Julião no México; projetos de reforma agrária na Câmara Federal (1963); criação do Fundo Federal Agropecuário (1962); reassume cargo na Câmara Federal (1962); governo de Miguel Arraes (1962-1964); golpe militar (1964); reação dos governadores do Nordeste; formação do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) em Pernambuco e seus integrantes; o PTB em Pernambuco; candidatura, campanha e derrota para o Senado (1966) ....................................................p.27-33.

Fita 3-B: Derrota nas eleições para o senado (1978); a anticandidatura de Ulysses Guimarães (1974); ligações com o PMDB e adesão ao Partido Democrático Trabalhista (PDT) em 1979; eleição para o governo do estado de Pernambuco e ingresso no PMDB, por conta do apoio à candidatura de Jarbas Vasconcelos, na mesma eleição (1994); a polarização da política estadual pernambucana em torno de Miguel Arraes e Jarbas Vasconcelos; novas lideranças políticas em Pernambuco; os filhos Eduardo Monteiro e Armando Monteiro Neto, deputado federal pelo PTB e presidente da CNI; governo de Luís Inácio Lula da Silva (2002-2005); projeto do governo Lula para transposição do São Francisco, irrigação e reforma agrária; síntese de assuntos tratados na entrevista; opinião sobre o projeto "Memória de Pernambuco"........................................................................p.33-39.
Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados