Joanildo Albuquerque Burity

Entrevista

Joanildo Albuquerque Burity

Entrevista realizada no contexto do projeto “História Audiovisual das Ciências Sociais no Brasil”, desenvolvido com financiamento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico (CNPq), entre dezembro de 2012 e dezembro de 2015, com o objetivo de constituir um acervo audiovisual de entrevistas com cientistas sociais brasileiros. clique aqui.
Forma de Consulta:
Entrevista em texto disponível para download.
Entrevista em vídeo disponível na Sala de Consulta do CPDOC e trechos no portal.

Tipo de entrevista: História de vida
Entrevistador(es):
Celso Castro
Dirceu Salviano Marques Marroquim
Data: 2/9/2014
Local(ais):
Recife ; PE ; Brasil

Duração: 1h40min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Joanildo Albuquerque Burity
Formação: Graduado em Bacharel em História pela Universidade Federal da Paraíba (1982), concluiu seu mestrado em Ciência Política pela Universidade Federal de Pernambuco (1989) e doutorado em Análises de Ideologias e Discursos pela University of Essex (1994). Seu pós-doutorado é concluído em 2003 pela University of Westminster.
Atividade: Foi pesquisador pela Université de Genève (1999-2005). Professor titular da Universidade Católica de Pernambuco (1989). Desde 1995 é professor da Universidade Federal de Pernambuco. Membro da Latin American Studies Association (2008-atual), da Associação de Pesquisa e Pós Graduação em Ciências Sociais (1990-atual) e da Associação dos Cientistas Sociais da Religião do Mercosul (1998-atual). Ministrou algumas disciplinas na Durham University (2009-2013). Desde 1988 é pesquisador titular da Fundação Joaquim Nabuco.

Equipe


Transcrição: Juliana Paula Lima de Mattos;

Conferência da transcrição: Dirceu Salviano Marques Marroquim ;

Técnico Gravação: Priscila Rodrigues Bittencourt;

Temas

Atividade profissional;
Bibliografias;
Carreira acadêmica;
Catolicismo;
Ciência política;
Comunidades religiosas;
Ensino religioso;
Ensino superior;
Estados Unidos da América;
Família;
Formação acadêmica;
Formação escolar;
Globalização;
História;
Ideologia;
Inglaterra;
Instituto Joaquim Nabuco;
Intelectuais;
Intercâmbio científico e tecnológico;
Marxismo;
Movimentos populares;
Obras de referência;
Paraíba;
Pesquisa científica e tecnológica;
Poder público;
Política;
Pós - graduação;
Produção intelectual;
Protestantismo;
Religião;
Sociologia;
Teologia;
Universidade Estadual de Campinas;
Universidade Federal de Pernambuco;
Viagens e visitas;

Sumário

Entrevista: 2 de setembro de 2014

A origem paraibana; um dos primeiros a seguir uma carreira acadêmica dentro da família; a educação primária; a passagem por colégios católicos; a militância religiosa até o início da faculdade; a escolha pelo curso de graduação em História; a não autorização dos pais para cursar o curso de Teologia; a mudança de opinião quanto aos interesses em História; os conflitos na comunidade religiosa; a grande orientação marxista do corpo docente na UFPB – Campina Grande; o tema de monografia tangente à religiosidade; a orientação interdisciplinar com a Sociologia; a reprovação na seleção para o mestrado em História na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP); a aprovação no mestrado em Ciência Política na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE); as discussões e a pesquisa sobre Religião e Política dentro da Ciência Política; a tendência a separar suas convicções religiosas e políticas do mundo acadêmico; a liberdade dada pelo orientador para a composição da dissertação; a intenção pela Análise de Discurso; o envolvimento com um projeto sobre protestantismo e movimentos populares; o projeto para doutorado; a volta ao Brasil após o doutorado na Universidade de Essex, Inglaterra; a publicação tardia da dissertação de mestrado; as aulas ministradas na pós-graduação da UFPE; a entrada na Fundação Joaquim Nabuco (FJN); os grupos da Ciência Política no Brasil; a ida para os Estados Unidos e o contato com livros sobre Análise de Discursos; a decisão por fazer o doutoramento em Essex; o período de 1991 a 1994 para o doutoramento em Ideologia e análise de Discurso; a dinâmica intelectual na Universidade de Essex; a grande importância de Ernesto Laclau na formação acadêmica; a positiva experiência em Essex; as contribuições da Universidade para o conhecimento e futuras pesquisas; as dificuldades financeiras durante o doutorado; o retorno ao Brasil; a direção do Departamento de Ciência Política da FJN; a colaboração com o Programa de Pós-Graduação em Ciência Política e Sociologia da UFPE; o distanciamento da Ciência Política por falta de demanda dos alunos; o contato com outras regiões além de Pernambuco; as divergências e encontros com outros intelectuais pelo Brasil; sua atuação religiosa; a ligação religiosa entre a vida pessoal e professional; sua posição no debate sobre a laicidade do Estado; a tentativa de negociação com organizações religiosas; a experiência profissional na Universidade de Durham com Religião e Globalização; a atuação profissional com outros profissionais no campo da Religião; a volta para o Brasil; os motivos pela não permanência na Universidade de Durham; as diferentes opções de trabalho na volta ao Brasil; a carreira atual a diferença entre a gestão acadêmica e a pesquisa; conclusão e agradecimentos.



Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados