Elisa Maria da Conceição Pereira Reis I

Entrevista

Elisa Maria da Conceição Pereira Reis I

Entrevista realizada no contexto do projeto "EBAPE: 50 anos de história" desenvolvido pelo CPDOC em convênio com a Escola Brasileira de Administração Pública, entre junho de 2001 e março de 2002. O projeto resultou na publicação do livro "A ESCOLA que faz Escola: EBAPE 50 anos, depoimentos ao CPDOC" / Organizadoras: Helena Bomeny e Marly Motta. Rio de Janeiro: Ed. Fundação Getulio Vargas, 2002. A escolha da entrevistada se justificou pelas atividades de professora e pesquisadora desenvolvida na EBAP na década de 70, e por sua participação participado no Departamento de Pesquisa da EBAP.
Forma de Consulta:
Entrevista publicada em livro.
Referência completa: BOMENY, Helena; MOTTA Marly (Orgs.). A ESCOLA que faz Escola: EBAPE 50 anos, depoimentos ao CPDOC. Rio de Janeiro: Ed. Fundação Getulio Vargas, 2002. 492p. il.

Tipo de entrevista: Temática
Entrevistador(es):
Helena Maria Bousquet Bomeny
André Vianna Dantas
Data: 26/9/2001
Local(ais):
Rio de Janeiro ; RJ ; Brasil

Duração: 1h0min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Elisa Maria da Conceição Pereira Reis
Nascimento: 14/5/1946; Araxá; MG; Brasil;

Formação: Doutora em Ciência Política pelo Massachusetts Institute of Technology (1980), Mestre em Ciência Política pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (1972) e Bacharel em Sociologia e Política pela Universidade Federal de Minas Gerais (1967).
Atividade: Professora titular de sociologia política do departamento de sociologia do IFCS/UFRJ. É membro da Comissão Permanente de Estudos Avançados da UFRJ. Participa também ativamente da comunidade acadêmica internacional. Coordena o Núcleo Interdisciplinar De Estudos Sobre Desigualdade. Membro da Academia Brasileira de Ciências (ABC) desde 2000 e da Academia de Ciências do Mundo em desenvolvimento (TWAS) a partir de 2007.

Equipe

Levantamento de dados: Marly Silva da Motta;Helena Maria Bousquet Bomeny;
Pesquisa e elaboração do roteiro: Marly Silva da Motta;Helena Maria Bousquet Bomeny;

Transcrição: Claudia Peçanha da Trindade;

Conferência da transcrição: André Vianna Dantas;

Técnico Gravação: Clodomir Oliveira Gomes;

Temas

Ciências Sociais;
Formação acadêmica;

Sumário

FITA 1-A: Considerações iniciais sobre a sua formação em Ciências Sociais na UFMG (64-67); considerações acerca de suas atividades junto ao Instituto Latino-americano de Doutrina e Estudos Sociais, no Chile (1968); acerca do retorno ao Brasil e o trabalho no Instituto Brasileiro de Desenvolvimento (1969); o trabalho junto a Simon Schwartman e a conseqüente entrada na EBAP, como professora-assistente (70): acerca dos cursos que ministrou; considerações a respeito de sua saída para o doutorado em 1971; acerca de seu retorno em 1975 e as impressões da estruturação da pós-graduação na Escola; comentários a respeito da mudança de prisma da Escola na década de 70: graduação versus pós-graduação, sobre a tradição da Escola na formação em Ciências Sociais (anos 50 e 60); a tensão entre o desenvolvimento de políticas públicas e a atividade consultora para o mercado; sobre a sua atividade docente na Escola, a partir de 1976, no retorno do doutorado: na direção dos departamentos de Pesquisa e de Estudos Governamentais; considerações a respeito do perfil intelectual dos alunos da EBAP nos anos 70; novos comentários a respeito do incentivo à pós-graduação por parte Fundação: sobre o surgimento da EPGE.

FITA 1-B: Novos comentários a respeito do incentivo à pós-graduação por parte Fundação: sobre o surgimento da EPGE (cont.); a respeito da relação entre a EBAP e a EPGE na década de 70; novos comentários a respeito da valorização das políticas públicas na Escola: acerca da estada de Simon Schwartzman e Wanderley G. dos Santos na EBAP (anos 70); acerca do episódio que redundou na sua saída da Escola em 1977; novas considerações acerca das mudanças de prisma sofridas pela Escola na década de 70: comentários a respeito da saída de Wanderley G. dos Santos e Simon Schwartzman dos quadro docente da EBAP e a relação com as mudanças de prisma da Escola (anos 70); comentários acerca do fechamento da graduação (1981-82?): sobre os argumentos utilizados para justificar o fim do curso de graduação, à época; considerações acerca do retorno da graduação previsto para 2002.


Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados