Kleber Tatinge do Nascimento

Entrevista

Kleber Tatinge do Nascimento

Entrevista realizada no contexto do projeto "EBAPE: 50 anos de história" desenvolvido pelo CPDOC em convênio com a Escola Brasileira de Administração Pública, entre junho de 2001 e março de 2002. O projeto resultou na publicação do livro "A ESCOLA que faz Escola: EBAPE 50 anos, depoimentos ao CPDOC" / Organizadoras: Helena Bomeny e Marly Motta. Rio de Janeiro: Ed. Fundação Getulio Vargas, 2002. A escolha do entrevistado se justificou pelas atividades que desenvolveu na Escola: aluno, professor, coordenador de programa e diretor da EBAP.
Forma de Consulta:
Entrevista publicada em livro.
Referência completa: BOMENY, Helena; MOTTA Marly (Orgs.). A ESCOLA que faz Escola: EBAPE 50 anos, depoimentos ao CPDOC. Rio de Janeiro: Ed. Fundação Getulio Vargas, 2002. 492p. il.

Tipo de entrevista: Temática
Entrevistador(es):
Helena Maria Bousquet Bomeny
Marly Silva da Motta
Data: 31/8/2001
Local(ais):
Rio de Janeiro ; RJ ; Brasil

Duração: 2h0min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Kleber Tatinge do Nascimento
Nascimento: 5/11/1937; Manaus; AM; Brasil;

Formação: Doutor em Administração Pública, Universidade do Sul da California, USA, 1966.
Atividade: O entrevistado foi aluno, professor, coordenador de programa e diretor da Ebap; diretor-presidente Concisa (Consultoria De Ciência Social Aplicada LTDA).

Equipe

Levantamento de dados: Marly Silva da Motta;Helena Maria Bousquet Bomeny;
Pesquisa e elaboração do roteiro: Marly Silva da Motta;Helena Maria Bousquet Bomeny;

Transcrição: Claudia Peçanha da Trindade;

Conferência da transcrição: André Vianna Dantas;

Técnico Gravação: Clodomir Oliveira Gomes;

Temas

Administração;
Amazonas;
Benedito Silva;
Ciências Sociais;

Sumário

FITA 1-A: Considerações iniciais sobre a vinda para a EBAP: as motivações, o recrutamento em Manaus (1955), a chegada ao Rio de Janeiro (1956), as primeiras impressões a respeito da EBAP; considerações sobre a ênfase do currículo da Escola em Ciências Sociais; considerações sobre o conceito de administração (especialista e generalista): sobre a discussão do conceito dentro da Escola; breves comentários sobre sua atuação na direção da Escola (1970-1973); novas considerações sobre as discussões em torno do conceito de administração dentro da Escola (anos 50): os papéis da graduação e da pós-graduação em face da discussão conceitual; considerações a respeito do choque presente no currículo entre a formação humanística e técnica; considerações sobre as suas perspectivas e desejos profissionais logo após a conclusão do curso na EBAP (fins dos anos 50): o trabalho junto a Benedicto Silva; breves comentários sobre as escolhas profissionais dos colegas de turma; sobre a atuação como aluno-pesquisador.

FITA 1-B: sobre a atuação como professor auxiliar a partir de 1960; sobre o trabalho na Organobras, em Recife (1962); o retorno ao Rio e à EBAP (1963); a saída para mestrado/doutorado na Califórnia, em maio de 1963: o objeto da tese; impressões sobre cultura administrativa no Brasil e nos EUA; novas considerações a respeito da relação entre graduação e pós-graduação em face das discussões sobre o conceito de administração: as percepções a respeito da graduação na direção da Escola (1970-1973), o início das discussões em torno da implantação da pós-graduação; comentários a respeito da sua escolha para a direção da Escola; considerações a respeito da influência de sua personalidade na atuação como profissional.

FITA 2-A: considerações a respeito da influência de sua personalidade na atuação como profissional (cont.); breves comentários sobre as idéias que nortearam a sua atuação a frente da direção da Escola (1970-1973); sobre o acúmulo de atividades de consultoria paralelamente à direção da Escola (1970-1973); considerações a respeito de sua atuação a frente da Escola (1970-1973): sobre o convênio CATRA (Coordenação de Assistência Técnica das Reformas Administrativas); comentários a respeito do seu desencanto com a Escola: o pouco investimento na pós-graduação; considerações sobre o projeto de constituição da pós-graduação paralelamente ao seu desencanto com a Escola: o convite a Simon Schwartzman (1972-73?); considerações sobre a reabertura da graduação, prevista para 2002; novos comentários sobre o conceito de administração; sobre o surgimento da idéia de montar a empresa de consultoria (Concisa).

FITA 2-B: novas considerações a respeito de seus erros e acertos a frente da direção da Escola (1970-1973); sobre a saída da direção e a entrada de Paulo Reis (1973): sobre os sentimentos e a repercussão de sua saída da Escola; novos comentários sobre o conceito de administração; novos comentários conceituais a respeito do retorno da graduação previsto para 2002; percepções comparativas acerca da Fundação ontem e hoje.

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados