Maria Aparecida Silva Bento

Entrevista

Maria Aparecida Silva Bento

Entrevista realizada no contexto do projeto “Memória de um Office na periferia: o Escritório da Fundação Ford no Brasil”, desenvolvido em convênio com a Fundação Ford, entre janeiro de 2011 e julho de 2012, com o objetivo de constituir um acervo de depoimentos histórico-documental sobre os 50 anos da atuação da Fundação Ford no Brasil e a posterior disponibilização dos depoimentos gravados na internet.
Forma de Consulta:
Entrevista em texto disponível para download.

Tipo de entrevista: Temática
Entrevistador(es):
Lúcia Lippi Oliveira
Helena de Moura Aragão
Data: 11/1/2012
Local(ais):
São Paulo ; SP ; Brasil

Duração: 1h5min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Maria Aparecida Silva Bento
Formação: Possui graduação em Psicologia pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Farias Brito (1977) , mestrado em Psicologia (Psicologia Social) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1992) e doutorado em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano pela Universidade de São Paulo (2002) .
Atividade: Diretora Executiva do Centro de Estudo das Relações de Trabalho e Desigualdades. Pesquisadora da Universidade de São Paulo (1989-1994).

Equipe

Levantamento de dados: Helena de Moura Aragão;Lúcia Lippi Oliveira;
Pesquisa e elaboração do roteiro: Helena de Moura Aragão;Lúcia Lippi Oliveira;

Transcrição: Liris Ramos de Souza;

Conferência da transcrição: Verônica R. Bevilacqua Otero Spicer;

Técnico Gravação: Bernardo de Paola Bortolotti Faria;

Sumário: Laura Mie de Azevedo Nicida;

Temas

Direito;
Direitos civis;
Direitos humanos;
Ensino;
Estado e sociedade;
Etnias;
Fundação Ford;
Homenagens e condecorações;
Intolerância religiosa;
Juventude;
Mercado de trabalho;
Movimento negro;
Movimento sindical;
Mulher;
Negros;
Organizações não governamentais;
Polícia;
Pontifícia Universidade Católica;
Pós - graduação;
Psicologia;
Racismo;
Recursos humanos;
Universidade de São Paulo;
Universidade Federal de São Carlos;

Sumário

Entrevista 11 de janeiro de 2012: A formação na área de psicologia organizacional; a atuação na área de área de relações raciais e trabalho; o mestrado na Pontifícia Universidade Católica (PUC) e doutorado na Universidade de São Paulo (USP); a criação do Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades (Ceert) e a atuação de Rebecca Reichmann; o apoio do Instituto Brasileiro de Estudos e Apoio Comunitário
Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados